A meia hora de Lisboa, Sintra é uma vila de Portugal com cerca de 300.000 habitantes, cuja Paisagem Cultural é Patrimônio Mundial da UNESCO, por todo seu contexto, palácios e parques.

A região já foi dominada por povos romanos e por muçulmanos a ainda hoje é possível encontrar construções como ‘heranças culturais’ dessas épocas pela vila. Após o período de dominação, a reconquista da região de Sintra aconteceu em 1093, através de Afonso VI, que tomou posse das cidades da região e palácios. Apenas em 1154 D. Afonso Henriques outorga a Carta de Foral à Vila de Sintra, estabelecendo o Concelho de Sintra na região.



O que fazer por lá?

O clima e montanhas de Sintra atraíram a nobreza e elite portuguesa que acabou por construir palácios requintados, residências extravagantes e jardins pitorescos pela região. É enorme a quantidade de edifícios históricos de diversas épocas pela vila e, acompanhados pelas belíssimas paisagens, fazem com que Sintra seja um dos melhores destinos turísticos em Portugal.

Leia também: Como conseguir 5% desconto no seu seguro-viagem

O centro histórico é composto por ruas calcetadas, repletas de lojas e cafés tradicionais portugueses que ficam ao redor do Palácio Nacional. Este, edificado no século XV, foi utilizado pela Família Real Portuguesa até o final da monarquia, em 1910.

Além do Palácio Nacional, outros duas construções chamam a atenção dos turistas que vão para lá com a intenção de visitar castelos: O Palácio da Pena e Castelo dos Mouros (datado do século VIII). É possível visitar estes dois com um ônibus turístico, tomado na estação principal da cidade.

Palácio da Pena

O Palácio da Pena é o local mais visitado de Sintra. É colorido e possui uma majestosa vista para a Vila. O interior do palácio foi conservado com a intenção de mostrar como eram os tempos antigos da região, quando a nobreza lá vivia.

Leia também: 8 dicas infalíveis para perder o medo de avião

A Quinta da Regaleira é o meu lugar preferido de Sintra. É uma mansão decorativa e possui jardins que carregam simbolismos místicos e características particulares. Possuem torres góticas, túneis e paredes de pedra fortificadas.

De arquitetura particular, o Palácio de Monserrate foi utilizado pelos antigos proprietários britânicos como retiro de verão. A casa possui detalhes esculpidos nas paredes e um maravilhoso jardim.





Apesar de ser um local de possível visitação em apenas um dia, é aconselhado o pouso na Vila. Em épocas de alta temporada as ruas costumam estar lotadas e o transito costuma ficar parado. O tempo perdido para chegar de um lugar a outro pode atrapalhar a visita dos turistas.

 

#ficaadica!

Sintra está a cerca de 25km de Lisboa. É possível visita-la em apenas um dia de carro, ônibus ou de trem.

Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *