Pedi para um amigo que viveu em Edimburgo me contar um pouco mais sobre o lugar e ele decidiu escrever um post para o blog. O resultado ficou tão bom e tão rico em detalhes que é muita informação para uma só postagem. Resolvemos então dividir em 3 partes. Confira neste post a segunda parte:

A primeira parte você pode conferir clicando aqui.

O lado negro da cidade

A capital escocesa também é conhecida como a cidade mais mal assombrada da Europa. Uma prova disso são os inúmeros tours sobre o lado obscuro de sua história. Para conhecer Edimburgo visitar cemitérios é obrigatório.

O cemitério Grayfriars Kirkyard conta a história de Bobby, o cachorro de estimação de um guarda noturno do século XVIII que mesmo após a morte de seu dono continuou a visitá-lo diariamente em seu túmulo. Bobby recebeu a chave da cidade, uma estátua de homenagem e seu nome foi dado ao café ao lado da entrada do cemitério.

túmulo enjaulado

Além do túmulo de acadêmicos famosos, os cemitérios também estão ligados com outras instituições importantes do país como a faculdade de medicina da Universidade de Edimburgo. Nos primórdios da faculdade os alunos não possuíam corpos suficientes para estudar e eram encorajados pelos seus professores a “buscar o material” nos cemitérios. Haviam um código de conduta para saquear os túmulos: não era permitido roubar os pertences dos mortos. Algumas família que discordavam dessa política investiram em grades protetoras em volta de todo os túmulos para evitar e eles permanecem lá até hoje.

sawney

Os tours noturnos da cidade apresentam os locais de ataque do canibal Sawney Bean, que segundo a lenda matava suas vítimas nos becos da cidade, levava suas vítimas para uma caverna próxima, cortava sua carne como bifes e usava o sangue para tingir as paredes assessorado por sua esposa. Hoje seu caso real inspira filmes e livros.




Outro evento marcante dessa cidade foi o enforcamento no Grassmarket do adultera Maggie Dickson, que matou seu filho bastardo recém nascido ao pensar que ele já estava morto. Após ser enforcada por 30 minutos, seu corpo foi levado para ser esfaqueado na cidade vizinha, mas foi descoberto que ela estava viva ao ouvi-la tossir. Como já havia cumprido sua pena, ela foi considerada livre e viveu por mais 40 anos com seu meio pescoço.

Diversos outros fatos como do antigo Loch Norr são abordados sobre velha, suja, murada e apertada Edimburgo no tour da empresa Sandesman, que recomendo.

Inspiração para histórias famosas

Numa cidade onde cada detalhe parece ter saído de um livro não é de espantar que autores famosos tenham de lá surgido e se inspirado.

O autor de Sherlock Holmes, Arthur Conan Doyle, adquiriu fundamentação teórica para as observações sobre os pistas ligadas ao corpo humano nos seus estudos do curso de medicina da Universidade de Edimburgo. Hoje a cidade possui uma estátua do seu personagem mais famoso e uma placa em sua homenagem na entrada da Faculdade de Medicina.

grayfriars kirkyard

Outra escritora de Edimburgo mais próxima dos dias atuais é J K Rowling, autora da saga infanto-juvenil “Harry Potter”. Ela escreveu o primeiro livro da série que levou o hábito da leitura a gerações de crianças e adolescentes quando estava desempregada, separada e usava os auxílios do governo para conseguir sustentar sua filha pequena. A jovem Joanne buscou diversos nomes dos personagens nos cemitérios da cidade, se inspirou na escola que dividia seus alunos em quatro casas para na criação da escola de magia e exigiu que a arquitetura de lá fosse perceptível nos filmes produzidos sobre o seu mundo de bruxos. Hoje o café Elephant House, seu local preferido para escrever na época tem nos banheiros diversas mensagens para os personagens dessa história clássica moderna.





Incontáveis filmes foram e continuam sendo gravados nas suas ruas de pedra, sendo o mais renomado deles Trainspotting. O drama dos anos 90 conta a história de viciados em heroína e seu trecho principal “Escolha a vida, escolha um emprego, escolha uma família, escolha uma televisão gigante, escolha máquinas de lavar, carros…” retrata reflete friamente sobre as etapas do cidadão médio atual. Esse filme contará com uma continuação,”Trainspotting 2″, que estréia nos cinemas brasileiros ainda nesse ano. Os fãs de blockbusters de ação também devem ver as ruas de Edimburgo serem destruídas no próximo filme da serie “Avengers”, que está sendo gravado na cidade.E você? Qual história quer viver na cinematográfica Edimburgo?

 O textos sobre Edimburgo foram escritos por Vitor, um amigo que viveu na cidade durante 6 meses e se apaixonou pela cultura local. 

VIAJE COM O BLOG #VPO – PARCEIROS

 HOSPEDAGEM: Booking | Hotels.com | HostelWorld | Ganhe R$ 130 com Airbnb

 SEGUROS-VIAGEM: Seguros Promo – 5% de desconto com cupom VOUPRAONDE5

  ATRAÇÕES E INGRESSOS: Get Your Guide | Viator

 PASSAGENS AÉREAS:Latam | Voopter | Viator | ALUGUEL DE CARROS: Rent Cars

Relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *